MENU

Urgente! Pressione vereadores de SP a votarem contra a privatização da Sabesp

Plataforma Na Pressão permite encaminhar mensagem direta ao WhatsApp do vereador

Publicado: 16 Abril, 2024 - 15h17 | Última modificação: 16 Abril, 2024 - 16h09

Escrito por: Rafael Silva - CUT São Paulo

Guilherme Gandolfi / CUT-SP
notice

A plataforma Na Pressão está de volta para ajudar a população paulistana a lutar contra a privatização da Sabesp, proposta que irá a votação na Câmara Municipal de São Paulo nesta quarta-feira (17).

O Na Pressão é uma ferramenta virtual de participação social, política e cidadã que pode ser acessada de qualquer lugar pelo celular, tablet ou computador. Com apenas alguns cliques, a população pode pressionar os vereadores por meio de mensagem no WhatsApp, e-mail, Facebook ou X (antigo Twitter).

Ao entrar na plataforma e selecionar a campanha “Diga Não à Privatização da Sabesp”, o munícipe verá três colunas onde constam os vereadores que já decidiram pelo voto a favor da privatização, os indecisos e os que já se posicionaram contra a entrega da empresa de saneamento básico.

Neste momento, a prioridade é dar foco aos que estão indecisos, buscando convencê-los pelo voto contrário ao projeto.

Apesar do governador Tarcísio de Freitas, após inúmeras manobras, ter conseguido aprovação da venda pela Assembleia Legislativa de São Paulo, é preciso que o projeto também seja aprovado em cada cidade. É essa discussão que a Câmara Municipal fará ainda nesta semana – o tema já está na pauta da casa.

Esta ação do Na Pressão é uma iniciativa da CUT, Sindsep, Apeoesp, CTB, Sintaema, Sindicato dos Metroviários, MST, Fórum Popular da Natureza, Movimento dos Atingidos por Barragens e Ondas.

Veja como pressionar!

1 - Acesse o site napressao.org.br

2 - Veja a campanha "Diga Não à Privatização da Sabesp" e clique em "pressionar"

3 - Clique no ícone do Whatsapp dos vereadores que você quer pressionar

4 - Agora é só enviar a mensagem exigindo que ele/ela vote contra a privatização