• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
  • Rádio Brasil Atual
MENU

Trabalhadores na Kostal manifestam contra fechamento da planta no ABC

Com anúncio de fechamento da empresa em São Bernardo, trabalhadores aprovaram processo de luta e mobilização; Ato ocorreu na manhã desta quarta-feira (10)

Publicado: 10 Junho, 2020 - 15h41 | Última modificação: 10 Junho, 2020 - 16h13

Escrito por: Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

Adonis Guerra/SMABC
notice

Em novas rodadas de negociação entre Sindicato dos Metalúrgicos do ABC e Kostal realizadas na terça (9), a empresa manteve a posição da matriz alemã de fechamento da planta na Paulicéia, em São Bernardo. Os trabalhadores, em assembleia, decidiram pela manutenção do processo de luta e mobilização pela permanência da fábrica e dos empregos na cidade. O Sindicato convocou todos os trabalhadores para definir novos encaminhamentos de luta na manhã desta quarta - veja vídeo abaixo.

“Cobramos da direção da empresa alternativas para a manutenção da planta de São Bernardo. Também estamos buscando negociação com a matriz da Kostal na Alemanha e já pautamos os poderes públicos, a prefeitura, o Consórcio Intermunicipal Grande ABC e o governo do Estado para que tomem providências”, contou o secretário-geral do Sindicato, Aroaldo Oliveira da Silva.

“Os trabalhadores estão dispostos a lutar em defesa de um acordo satisfatório.  Tamanha irresponsabilidade da empresa exige o envolvimento de todos os trabalhadores em defesa dos empregos e da manutenção da planta na cidade. Acreditamos ser possível a permanência e estamos insistindo em todas as alternativas possíveis. Para isso, a unidade na luta dos trabalhadores é fundamental”, chamou.

A empresa comunicou o Sindicato no fim de semana sobre a decisão da matriz na Alemanha de fechamento da planta, provocando a demissão de 300 trabalhadores. Após assembleia no início da semana, os trabalhadores iniciaram o processo de luta.