• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
  • Rádio Brasil Atual
MENU

Trabalhadores italianos também farão greve no dia 14 de junho

Metalúrgicos param em defesa dos empregos e por valorização salarial

Publicado: 11 Junho, 2019 - 16h48 | Última modificação: 11 Junho, 2019 - 17h30

Escrito por: Rafael Silva - CUT São Paulo

Arte: Maria Dias/CUT-SP
notice

Na próxima sexta-feira, 14 de junho, o Brasil terá mais uma demonstração de luta da classe trabalhadora contra a reforma da Previdência. A greve geral convocada pelas centrais sindicais promete ser uma das maiores já realizadas e tem a adesão de muitas categorias. Mas nesse dia, a luta dos trabalhadores não será somente por aqui. 

Na Itália, os metalúrgicos também estão convocando uma greve geral da categoria em defesa dos direitos, principalmente em relação à crescente incerteza sobre o futuro em meio ao avanço das novas tecnologias. A valorização salarial, saúde e segurança, democracia e o respeito à representação sindical completam a pauta da paralisação no dia.

A greve italiana é convocada pelas centrais sindicais e os trabalhadores europeus também programaram manifestações em Milão, Napoli e em Florença para às 9h da manhã (4h da manhã no horário de Brasília).

A CUT-SP, que possui um termo de cooperação com a GCIL Lombardia, regional de uma das mais importantes centrais sindicais da Europa, apoia a ação dos metalúrgicos. “É uma greve que luta para que o governo italiano tenha uma política industrial para o país, uma política que fortaleça a indústria, a geração de empregos decentes e de salários para os trabalhadores metalúrgicos. Não tenho dúvidas que, tanto aqui no Brasil quanto na Itália, será um dia de vitórias do conjunto da classe trabalhadora”, afirma Douglas Izzo, presidente da CUT-SP.

A parceria entre as duas entidades existe desde 2012 e tem possibilitado a troca de experiências entre os ramos metalúrgico, químicos, educação, comércio e serviços, servidores públicos, aposentados, seguridade social e financeiro.

Os trabalhadores brasileiros que quiserem acompanhar a luta dos italianos nesse dia podem acessar a página do Facebook de Intercâmbio das duas entidades (Clique aqui). Informações da greve geral do Brasil também serão compartilhadas com os italianos.