MENU

Sindicatos dos EUA constituem uma Rede Nacional de Trabalhadores pelo cessar-fogo

Publicado: 19 Fevereiro, 2024 - 12h10 | Última modificação: 19 Fevereiro, 2024 - 17h28

Escrito por: Diálogo e Ação Petista

notice

Sete sindicatos nacionais e mais de duzentos sindicatos locais anunciaram na última sexta-feira (16/02) a criação desta Rede Nacional (NLNC em inglês) para “acabar com o morticínio e a devastação” no Oriente Médio e “Ampliar o apoio ao cessar-fogo entre os sindicatos em todo o país”.

Juntos, os sindicatos que pedem o cessar-fogo representam mais de 9 milhões de sindicalizados, mais de metade do movimento trabalhista organizado nos Estados Unidos. O lançamento do NLNC segue-se a uma declaração apelando a um cessar-fogo, emitida na semana passada pela AFL-CIO – a maior central sindical do país.

Os sindicatos nacionais que anunciam o NLNC incluem o American Post Workers Union (APWU, correios), a Association of Flight Attendants (AFA-CWA, aeronautas), a International Union of Painters and Allied Trades (IUPAT, setor de pintura), a National Education Association (NEA, professores) e as National Nurses, United (NNU, enfermeiras), United Auto Workers (UAW, automobilísticos) e United Electrical Workers (UE, eletricitários), aos quais se juntaram duzentas seções sindicais de base e organizações trabalhistas. “Os trabalhadores têm o dever de se levantar. Sabemos que nem bombas nem balas podem resolver um conflito desta magnitude”, afirma James Williams Jr., presidente da União Internacional de Pintores e Ofícios Aliados (IUPAT).