• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
  • Rádio Brasil Atual
MENU

Que 2021 seja o ano de mudanças e boas notícias

Expediente da CUT São Paulo entra em recesso; retorno será no dia 5 de janeiro

Publicado: 17 Dezembro, 2020 - 12h18 | Última modificação: 17 Dezembro, 2020 - 12h28

Escrito por: CUT São Paulo

Arte: Maria Dias (CUT-SP) / Foto: Dino Santos (CUT-SP)
notice

A Central Única dos Trabalhadores de São Paulo (CUT-SP) informa que estará de recesso de 21 de dezembro a 4 de janeiro. As atividades da Central estadual retornam na terça-feira, 5 de janeiro de 2021, ainda no regime de teletrabalho por conta das restrições sanitárias.

2020 foi um ano desafiante. Atravessamos uma das piores crises sanitárias da humanidade com a pandemia da covid-19 que aparenta não estar próxima do fim. Para piorar, a falta de liderança no governo fez o Brasil figurar entre as nações com mais casos de mortes e infectados pela doença no mundo.

Mesmo diante de um cenário de luto e de riscos à saúde, os sindicatos da CUT-SP seguiram lutando em defesa dos direitos, pela preservação de empregos e cobrando a proteção da classe trabalhadora. Desde o primeiro momento das restrições sanitárias, nossas entidades criaram canais de denúncias, cobraram medidas enérgicas para garantir a saúde dos que precisavam trabalhar presencialmente, organizou atos e manifestações denunciando descasos e as mortes que poderiam ter sido evitadas.

Não podemos nos esquecer que sem a luta da classe trabalhadora, dos movimentos populares e da oposição no Congresso Nacional, o auxílio emergencial seria de apenas R$ 200,00.

Também nos adaptamos no campo virtual, onde enfrentamos os discursos de ódio, preconceito, as notícias falsas e o negacionismo da Ciência.

Mas o próximo ano exigirá de todas e todos muita sabedoria e coragem para resistir contra os ataques do governo Bolsonaro, que, além de não possuir plano de redução do desemprego, mantém uma equipe econômica insistente no corte de políticas públicas essenciais à população.

Por isso, a CUT-SP reafirma sua disposição de luta contra todos os retrocessos. Que 2021 seja um ano de transformação, de fortalecimento da democracia, de solidariedade, de justiça social, igualdade e equidade.

Nenhum direito a menos!
Boa passagem de ano e muita saúde!
#SomosFortesSomosCUT

Direção da CUT-SP