• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
  • Rádio Brasil Atual
MENU

REVEJA: Programa da CUT-SP com a CUT-RJ fala sobre desafio das mulheres negras

Edição trata sobre este momento da pandemia da Covid-19

Publicado: 28 Julho, 2020 - 14h51 | Última modificação: 31 Julho, 2020 - 20h15

Escrito por: Vanessa Ramos - CUT São Paulo

Maria Dias/CUT-SP
notice

A Covid-19 avança no Brasil e registra 2.442.375 diagnósticos de contágios até esta terça-feira (28), com 87.618 óbitos, de acordo com o monitoramento do Ministério da Saúde.

Segundo pesquisa realizada pelo Núcleo de Operações e Inteligência em Saúde da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ) com 29.933 casos de pacientes que tiveram Covid-19, dos 8.963 pacientes negros internados, 54,8% chegaram a óbito. A letalidade entre os brancos é de 37,9%.

Além da questão da letalidade que atinge mais a população negra, a pandemia do novo coronavírus acentuou problemas imbricados na própria história do país como o racismo, a violência e as desigualdades sociais. E estas situações impactam principalmente a vida das mulheres negras.

É para falar sobre este assunto que o Programa CUT-SP em Ação, em parceria com a CUT Rio de Janeiro, traz para o debate desta sexta-feira (31) a deputada federal e ex-senadora Benedita da Silva (PT-RJ) — uma das primeiras mulheres negras eleitas para ocupar uma cadeira no Senado na história do país; a rapper, escritora e professora Preta Rara e a presidenta da Federação Nacional das Trabalhadoras Domésticas (Fenatrad), Luíza Batista.

A edição desta semana será transmitida pelas páginas do Facebook da CUT São Paulo (clique aqui) e da CUT Rio de Janeiro (clique aqui), a partir das 16h, com mediação das secretárias da Mulher Trabalhadora da CUT São Paulo, Márcia Viana, e da CUT Rio de Janeiro, Marlene Miranda.

Assista ao programa: