• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
  • Rádio Brasil Atual
MENU

Mauá: Atila Jacomussi e Marcelo Oliveira vão ao segundo turno

A eleição na cidade será definida entre atual prefeito, que teve 36,48% dos votos válidos, e ocandidato do PT, que chegou com 19,84%

Publicado: 16 Novembro, 2020 - 11h08 | Última modificação: 16 Novembro, 2020 - 11h10

Escrito por: Rede Brasil Atual

Reprodução
notice

A eleição em Mauá, na Grande São Paulo, será definida em segundo turno, no próximo dia 29. O atual prefeito Atila Jacomussi (PSB) ficou com 36,48% dos votos. Marcelo Oliveira (PT) recebeu 19,84%. Durante sua gestão, Atila foi alvo de um processo de impeachment, aprovado na Câmara Municipal da cidade, em 2019, mas suspenso liminarmente pela Justiça paulista em setembro.

Um levantamento do Ibope, divulgado no último dia 5, mostrava que, entre os eleitores, 59% desaprovam a gestão Atila, contra 35% dos que aprovam. Em 2016, o atual prefeito foi eleito sob forte discurso de reformar o sistema de saúde do município. Entretanto, a mesma pesquisa mostra que a área da saúde é o maior problema da cidade para 69% dos eleitores.

Em 2018, Atila foi preso duas vezes na Operação Prato Feito, que investigava esquema de desvios de recursos em contratos de merenda e material escolares. Nas duas ocasiões, foi solto por decisões do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes. Em setembro, a 4ª de Direito Público do Tribunal de Justiça de São Paulo concedeu liminar para devolver o mandato do prefeito de Mauá.

A cidade de Mauá

A cidade tem 417 mil habitantes e 306.518 eleitores estão aptos a votar de acordo com o Tribunal Superior Eleitoral. De acordo com o TSE, a maioria do eleitorado é formada por mulheres, que representam 52,59% do total, somando 161.191. Mauá está entre as 50 cidades mais populosas de todo o Brasil.

Saiba mais no site da Rede Brasil Atual.