MENU

Luto: Erasmo Carlos, presente!

Publicado: 22 Novembro, 2022 - 17h42 | Última modificação: 22 Novembro, 2022 - 17h46

Escrito por: CUT São Paulo

Divulgação
notice

A Direção da CUT-SP lamenta a morte do cantor e compositor Erasmo Carlos, aos 81 anos, nesta terça, 22 de novembro. O Tremendão, como era conhecido, estava tratando uma síndrome edemigênica, que afeta os vasos sanguíneos, mas a causa da morte ainda não foi divulgada pela família.

Nascido no Rio de Janeiro, Erasmo foi um dos pioneiros do rock no Brasil. Ainda adolescente, na década de 1950, integrou a banda The Sputniks e aprendeu a tocar violão com seu amigo Tim Maia.

Em parceria com Roberto Carlos, compôs inúmeras canções de sucesso, com repercussão até no exterior. Os dois, ao lado de Wanderléa, também fortaleceram o movimento conhecido como Jovem Guarda, nos anos 60 e 70, que influenciou a cultura musical e de moda da época. Na TV Record, o programa que unia os três batia recordes de audiência.

Fã de Elvis Presley, Erasmo adotou muito de seu estilo nos palcos e, inclusive, nas roupas que usava. Tornou-se um ícone da MPB, com mais de 50 anos de carreira, 600 músicas gravadas e 30 discos lançados.

Neste momento de luto, a CUT-SP se solidariza aos familiares, amigos e fãs. Erasmo, presente!

Direção da CUT São Paulo
São Paulo, 22 de novembro de 2022