• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
  • Rádio Brasil Atual
MENU

Em Campinas, subsede da CUT-SP e sindicatos intensificam campanha de doações

Confira como você pode ajudar nessa campanha

Publicado: 07 Maio, 2020 - 11h20 | Última modificação: 11 Maio, 2020 - 12h26

Escrito por: Rafael Silva - CUT São Paulo

Arte: Maria Dias/CUT-SP
notice

Desde o início do isolamento social provocado pela Covid-19, os sindicatos CUTistas da região de Campinas se uniram em uma grande campanha de solidariedade que ganhou novas ações nesta semana. Agora, além de fazer as doações pontuais em um dos seis pontos de arrecadação (leia abaixo), os colaboradores com condições melhores podem “apadrinhar” uma família com o envio de cestas básicas e botijão de gás de cozinha.

A “Campanha de Solidariedade pela Vida – Vamos precisar de todo mundo!” tem a participação da subsede regional da CUT-SP em Campinas e dos sindicatos filiados à entidade. No novo formato, as pessoas terão quatro opções de pagamento, que contemplam doação semanal ou única em conta corrente, depósito bancário e cartão de crédito nos valores de R$ 25, R$ 50 ou R$ 100 reais.

Os valores doados por meio da conta bancária irão custear as cestas básicas de alimentos e a compra de outros produtos, como de higiene e limpeza, e botijões de gás de cozinha – item que tem pesado no bolso da população. De acordo com os organizadores, será priorizada a compra de alimentos produzidos pela agricultura familiar de assentamentos do MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra) na região. Dessa forma, os trabalhadores e as trabalhadoras da agricultura também serão ajudados.

Secretário de Cultura da CUT-SP e coordenador interino da subsede em Campinas, Carlos Fábio, o Índio, diz que o momento tem sido importante para mostrar quem de fato está ao lado da classe trabalhadora. Enquanto empresários e alguns governos lutam pelo fim do isolamento social, colocando em risco a vida da população, sindicatos se organizam para reduzir o sofrimento dos que tiveram queda em suas rendas financeiras e não encontram outras formas de sobrevivência. “É hora de salvar vidas, e falamos do coletivo, não a individual, como pensam muitos que pedem o relaxamento da quarentena preocupados com a economia. Nos últimos anos os sindicatos foram criminalizados e os dirigentes tachados de bandidos, mas hoje eles estão organizando ações solidárias como essa campanha de arrecadação. E a CUT está empenhada nessa missão, como sempre fizemos”, afirma o dirigente.

As doações recebidas são encaminhadas aos bairros periféricos e entregues a líderes da comunidade, que se encarregam de distribuir às famílias com necessidades. Outras centrais sindicais, partidos políticos e movimentos sociais participam das ações.

Além das campanhas de doações, os sindicatos continuam atuando na luta pela segurança dos trabalhadores que seguem na ativa, com risco de exposição ao vírus, e pela garantia dos empregos e direitos destes e dos que foram afastados ou estão no formato home office, conforme a CUT-SP tem repercutido em seus canais. As ações de solidariedade também contemplam os trabalhadores da base sindical que tiveram salários reduzidos ou perderam o emprego, assim como a oferta de ajuda psicológica neste momento.

Índio adianta que o movimento de mulheres da região, com a participação do Coletivo de Mulheres da CUT em Campinas, também se organiza para lançar uma ação de combate à violência doméstica, que aumentou durante o isolamento social. As informações serão divulgadas em breve.

COMO PARTICIPAR:

Para levar doações de alimentos, roupas ou produtos de higiene e limpeza, os sindicatos estão funcionando em esquema de plantão, conforme os horários abaixo.

Subsede da CUT-SP em Campinas

Rua Culto à Ciência, 56, bairro Botafogo – às quinta-feira, das 13h às 18h

Apeoesp Campinas

Rua Barreto Leme, 920, no centro – às terças, das 9h às 12h, e às quintas, das 14h às 17h

Sinergia Campinas

Rua Dr. Quirino, 1511, no centro – às quartas, das 13h às 18h

Sindae Campinas

Avenida Angelo Simões, 725, no bairro Jardim Leonor – de segunda a sexta, das 8h às 17h

Sindicato dos Vidreiros

Rua Bernardino de Campos, 101, no centro – às quartas, das 10h às 12h

Sindipetro Campinas

Rua Cônego Manoel Garcia, 1010, no bairro Jardim Chapadão – às quintas, das 12h às 15h

Para apadrinhar uma família, existem quatro opções de pagamento, que contemplam doação semanal ou pontual em conta corrente, depósito bancário e cartão de crédito.

Dados bancários:
Ag.: 0001
CC.: 03736674-7
Banco: 290 – PagSeguro Internet S/A
CNPJ N° 07.550.157/0004-82

Para doações por boleto ou cartão de crédito clique aqui


arte: Maria Dias/CUT-SParte: Maria Dias/CUT-SP