• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
  • Rádio Brasil Atual
MENU

Doria apresenta projeto que retira direitos dos trabalhadores do serviço público

Trabalhadores(as) farão ato na próxima terça-feira (15), às 14h, em frente à Alesp

Publicado: 10 Outubro, 2019 - 11h26

Escrito por: Redação - SindSaúde

Divulgação
notice
O Governo do Estado de São Paulo apresentou o Projeto de Lei (PL) 899, de 2019, que causará enorme prejuízo financeiro aos mais de 600 mil trabalhadores e trabalhadoras ativos do serviço público estadual, além dos que já estão aposentados. Pois propõe reduzir as chamadas Obrigações de Pequeno Valor (OPV’s) de R$ 30.119,20 para R$ 11.678,90.
 
Isso significa que qualquer trabalhador do serviço público que já tenha ganhado ou que venha ganhar uma ação contra o governo do estado com valor acima desses R$ 11 mil terá que entrar na longa fila dos precatórios, enquanto às OPV’s são pagas dentro de um prazo inferior a 1 ano.
 
Se aprovada, a mudança afetará trabalhadores(as) da saúde, educação, segurança pública, judiciário, administrativos e demais setores, que muitas vezes passam anos e anos em batalha judicial para receber seus direitos/valores que lhes foi negado por parte do estado em algum momento.
 
Além disso, aumentará a fila dos precatórios, ampliando também os juros da dívida pública do Estado, fazendo com que todos os contribuintes paguem por essa conta futuramente.
 
Contra esses absurdos, os trabalhadores e as trabalhadoras do serviço público farão um grande ato no dia 15 de outubro (terça-feira), às 14h, em frente à Assembleia Legislativa de São Paulo - Alesp (no acesso da Av. Srg. Mario Kozel Filho), onde o projeto está tramitando em regime de urgência. (Clique aqui e baixe o boletim)
 
TODOS CONTRA O PL 899/2019!
 
Organização:
- Centro do Professorado Paulista (CPP);
- Comissão de Precatórios da Seção de São Paulo da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-SP)
- Federação dos Sindicatos Servidores Públicos no Estado de São Paulo (Fessp-Esp);
- Movimento de Advogados em Defesa dos Credores do Poder Público (Madeca);
- Sindicato dos Advogados do Estado de São Paulo (SASP);
- Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo (Apeoesp);
- Sindicato dos Servidores Públicos do Estado de São Paulo;
- Sindicato dos Supervisores de Ensino do Magistério Oficial no Estado de São Paulo (Apase);
- Sindicato dos Trabalhadores Públicos da Saúde no Estado de São Paulo (SindSaúde-SP).