• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
  • Rádio Brasil Atual
MENU

CUT-SP manifesta pesar pela morte de Wagner Gomes, secretário-geral da CTB

Sindicalista sofreu um infarto fulminante nesta terça-feira (10)

Publicado: 10 Agosto, 2021 - 17h30 | Última modificação: 10 Agosto, 2021 - 19h13

Escrito por: Redação - CUT São Paulo

CTB
notice

A direção da CUT São Paulo foi surpreendida na tarde desta terça-feira (10) com a notícia da morte do companheiro Wagner Gomes, metroviário e secretário-geral da CTB (Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil), provocada por um infarto fulminante.

Wagner Gomes foi também dirigente da CUT e, em 2005, assumiu interinamente a presidência nacional da maior central sindical do país. Depois, se tornou o primeiro presidente da CTB, central que ajudou a fundar e onde atuava até hoje.

Operador de trens do Metrô SP, Wagner Gomes também presidiu por duas vezes o Sindicato dos Metroviários e também foi dirigente nacional do PCdoB, partido pelo qual disputou as eleições de 2002 como suplente de Aloísio Mercadante (PT) na disputa ao Senado Federal – chapa que recebeu mais de 3 milhões de votos à época.

Wagner Gomes deixa um importante legado para o movimento sindical, que hoje está em luto. Ela sempre foi um sindicalista muito respeitado e que não se furtava às lutas em defesa dos direitos da classe trabalhadora e da população brasileira.

Nesse momento de dor e tristeza, manifestamos nosso profundo pesar e toda solidariedade à família, às companheiras e aos companheiros da CTB, do Sindicato dos Metroviários e do PCdoB, bem como a todas e todos que tiveram a oportunidade de conviver e lutar ao lado de Wagner Gomes.

Num momento tão difícil da nossa conjuntura política e social, com constantes avanços dos ataques aos direitos dos trabalhadores, dos serviços públicos e ao movimento sindical, que possamos seguir o exemplo e a determinação de Wagner para que, mesmo em luto, sigamos na luta!

Companheiro Wagner Gomes, presente!
São Paulo, 10 de agosto de 2021
Direção da CUT São Paulo