MENU

Campanha da CUT-SP #CutSpSororidade fortalece luta contra a violência à mulher

Movimento propõe mobilizar as redes todos os dias 25; CUT-SP destacará dados de violência à mulher, divulgará protestos e canais de denúncia

Publicado: 24 Junho, 2020 - 21h10 | Última modificação: 26 Junho, 2020 - 12h26

Escrito por: Redação CUT-SP

Arte: Maria Dias/CUT-SP
notice

A Central Única dos Trabalhadores São Paulo (CUT-SP) se une à ação digital da Rede de Mulheres Uni Américas que pede providências urgentes à violência de gênero, que resulta em 12 mortes diárias de mulheres na América Latina, de acordo com a Organização das Nações Unidas (ONU).

A ação reúne movimentos sindicais do Brasil, Argentina e Uruguai que integram a Mulheres Uni Américas, entidade que discute e promove a igualdade de gênero, o empoderamento e a erradicação da violência contra a mulher na América Latina.

A campanha aqui no país consiste publicar no dia 25 de cada mês, pelas redes sociais, mensagens de protesto, denúncia e canais de apoio à mulher. A participação da CUT-SP na campanha inicia no dia 25 de junho e poderá ser identificada com o uso da tag #CutSpSororidade.

COMO DENUNCIAR

Se presenciou ou está em situação abusiva e/ou de violência, clique na cidade de sua localidade mais próxima e veja os locais de apoio:

SÃO PAULO – CAPITAL

ABC PAULISTA

OSASCO

BAIXADA SANTISTA

SOROCABA

GUARULHOS

CAMPINAS E REGIÃO

PRESIDENTE PRUDENTE

ARAÇATUBA E REGIÃO

VALE DO RIBEIRA

SÃO JOSÉ DO RIO PRETO

OURINHOS E REGIÃO

BAURU E REGIÃO

JUNDIAÍ

SÃO CARLOS E REGIÃO

ITAPEVA 

Busque ajuda no sindicato

Caso você, mulher, não se sinta confortável com os caminhos acima para formalizar sua denúncia, a Secretaria da Mulher Trabalhadora da CUT-SP disponibiliza um canal para receber te ouvir e intermediar esse apoio. Encaminhe um e-mail para bastadeviolencia@cutsp.org.br, com suas informações de contato. O sigilo será garantido.