• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Presidência

Douglas Martins Izzo

Nasceu na cidade de São Paulo no dia 18 de agosto de 1965 e é formado em Geografia, Ciências Sociais e Pedagogia. É professor titular de Sociologia e Geografia na rede pública estadual.

Começou sua militância política no movimento estudantil, na década de 80. Foi vice-presidente do Diretório Acadêmico da Faculdade São Marcos, organizando inúmeros movimentos contra o aumento abusivo das mensalidades. Então trabalhador metalúrgico, participou de mobilizações e greves no ABC paulista. Ingressando na rede estadual de ensino em 1992 passa a atuar na Apeoesp (Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo), primeiramente, na subsede de Diadema e, posteriormente, em Itaquaquecetuba, onde foi eleito conselheiro estadual e coordenador da subsede por dois mandatos.

Em 2002 é eleito para a diretoria executiva do sindicato, tendo ocupado os cargos de Secretário de Assuntos Educacionais e Culturais Adjunto, Secretário de Organização para a Grande São Paulo e Secretário de Assuntos Educacionais e Culturais. Em 2012, eleito vice-presidente da CUT/SP, passa a compor a Diretoria Estadual da Apeoesp.

Também foi membro da coordenação da etapa estadual da Conferência Nacional da Educação Básica (Coneb) em 2008 e da Conferência Nacional de Educação (Conae) em 2010.

Coordena atualmente o Fórum do Funcionalismo Público do Estado de São Paulo e compõe, desde 2015, a coordenação do Fórum dos Movimentos Sociais do Estado de São Paulo, atual Frente Brasil Popular São Paulo.

Das direções executivas e suas atribuições

Art.42 - São atribuições dos membros efetivos da executiva da direção estadual:

I - Compete ao presidente:

  1. a) assinar a convocatória do congresso estadual;
  2. b) presidir as reuniões da plenária, direção e executiva da direção estadual;
  3. c) garantir em seu âmbito o cumprimento dos objetivos e das decisões aprovadas pelos fóruns e instâncias superiores;
  4. d) assegurar que a atuação e organização das instâncias e dos filiados da CUT, em seu âmbito, se desenvolva de acordo com os fundamentos e princípios deste Estatuto;
  5. e) representar a CUT em seus respectivos âmbitos ou por indicação das instâncias superiores;
  6. t) delegar poderes aos demais membros da direção estadual para representar e manifestar a posição da CUT.

Contato: presidencia@cutsp.org.br

carregando